January 2, 2019

December 19, 2018

June 27, 2018

Please reload

Recent Posts

Brazilian Salamanders: Rare, Beautiful and Endangered

May 18, 2018

1/4
Please reload

Featured Posts

Lagartos raros da Mata Atlântica são reencontrados no Espírito Santo

August 16, 2017

REPRODUÇÃO DE TEXTO PUBLICADO NA REVISTA GALILEU EM 10/JULHO/2017

 

(http://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2017/07/lagartos-raros-da-mata-atlantica-sao-reencontrados-no-espirito-santo.html)

 

Duas espécies de lagartos papa-vento que não eram vistas há várias décadas foram redescobertas por pesquisadores na Mata Atlântica. As duas espécies, Anolis nasofrontalis e Anolis pseudotigrinus, foram descritas pelo pesquisador Afrânio do Amaral em 1932 com base em exemplares coletados em 1906 na região do Rio Doce, no Espírito Santo.

 

Desde então, as espécies foram avistadas pouquíssimas vezes e jamais haviam sido fotografadas. A própria existência das espécies já começava a ser duvidada pela comunidade científica, até que ambas foram encontradas na região serrana do Espírito Santo.

 

A descoberta, que foi publicada no periódico científico Molecular Phylogenetics and Evolution, foi liderada por Ivan Prates, aluno de doutorado da City University of New York (EUA), e inclui descrições detalhadas dos animais, além das primeiras fotos conhecidas das duas espécies em vida.

Por diversos anos, pesquisadores brasileiros e estrangeiros realizaram buscas na região do Rio Doce e vizinhanças na tentativa encontrar, na natureza, os lendários lagartos descritos pelo Dr. Amaral. Em mais de um século, contando desde a descoberta das espécies por Ernesto Garbe em 1906, somente sete exemplares de Anolis nasofrontalis e seis de Anolis pseudotigrinus eram conhecidos, sendo que as últimas observações dos mesmos tinham sido feitas em 1940 e 1974, respectivamente.